18 de junho de 2019

‘Só queríamos ser livres para amar’, diz namorada de ator de Chiquititas assassinado em SP

Rafael e os pais foram mortos na Estrada do Alvarenga, no bairro Pedreira, em frente da casa de Isabela


Por Folhapress Publicado 10/06/2019

“Só queríamos ser livres pra amar, sem medida. Queríamos explorar o mundo e explorar a vida. Crescer, lado a lado, como um só”.

O relato integra uma carta aberta escrita por Isabela Tibcherani, 18, namorada do ator Rafael Miguel, assassinado a tiros pelo sogro na tarde deste domingo (9), na zona sul da capital paulista.

O ator de 22 anos interpretou, entre outros personagens, o “Paçoca”. na novela infantil Chiquititas, exibida pelo SBT.

Rafael e os pais, João Alcisio Miguel, 52, e Miriam Selma Miguel, 50, foram mortos na Estrada do Alvarenga, no bairro Pedreira, em frente da casa de Isabela.

O texto, publicado pela adolescente no Facebook, é recheado de lembranças. Isabela recordou, por exemplo, do encontro que teve um dia antes do crime com Rafael.

“Dá pra ver pelo nosso olhar, nesse momento éramos só você e eu, em meio a todas aquelas pessoas, não tinha mais nada além de nós dois. Lembra, minha vida, que a gente casou de brincadeira? Trocamos nossas alianças pra mão esquerda e dissemos ‘Pronto! Casamos!'”.

“Tá muito difícil de assimilar, mas eu quero pensar em você como o homem iluminado que é, o homem que me orgulha, que me fez a mulher mais feliz do mundo, que me apresentou o amor de verdade, que me salvou e acreditou em mim, quando muitas vezes eu pensei em desistir. Você foi meu pilar, minha força, mesmo enfrentando seus próprios problemas, mesmo vivendo uma luta constante. Lutamos juntos, até o final”, disse a jovem.

Isabela escreveu ainda que vai tirar do papel todos os sonhos que o casal pretendia realizar num futuro próximo. “Eu vou honrar nossa história, vou realizar nossos sonhos, todos que eu puder! Vou conhecer Boston, vou ler sua saga favorita, assistir a melhor série que te fez feliz nos últimos tempos. Vou fazer o mundo ver você por quem você é! Um herói. Meu herói. E eu sempre serei sua babyzita, sua sunflower, sua ladybug, sua esposa”, afirmou.

ENTENDA O CASO
Rafael e os pais foram até a casa de Isabela para conversar com o pai dela sobre o namoro, por volta das 14h deste domingo. As vítimas foram recepcionadas pela mãe e pela namorada de Miguel.
Quando a família era recepcionada, o pai da garota, um comerciante de 48 anos, teria chegado com uma arma e, em seguida, atirado contra as três vítimas, que aguardavam no portão da casa do atirador. As vítimas morreram no local.

Após os disparos, o suspeito fugiu, segundo a polícia. Ele ainda não havia sido localizado até a publicação desta reportagem. A motivação do crime ainda é investigada.

A Secretaria da Segurança Pública disse que o caso é investigado pelo 98º DP (Jardim Miriam). “As equipes estão em diligência para localizar e prender o autor do crime”, diz trecho de nota.