29 de setembro de 2020

Bruna Marquezine diz que quer casar e conta loucura de amor que não faria novamente

Atriz respondeu a perguntas que os internautas no canal do YouTube de Giovanna Ewbank


Por Folhapress Publicado 12/09/2020 Atualizado em 14/09/2020 às 13:42
Bruna Marquezine (Instagram)
Foto: Reprodução/Instagram

Quando estava grávida, Giovanna Ewbank, 33, anunciou que durante sua licença maternidade, amigos e também seu marido, Bruno Gagliasso, 38, se revezariam no comando de seu canal no YouTube. Neste sábado (12) foi a vez de Bruna Marquezine, 25, assumir mais uma vez o Gioh. A atriz respondeu a perguntas que os internautas enviaram no Instagram.

Um dos primeiros questionamentos falava a respeito do sobrenome que Bruna daria aos filhos. A atriz então respondeu que Marquezine era apenas seu nome artístico e que fez essa escolha para homenagear a avó. “Trazer o sobrenome dela comigo é como trazer a bênção dela para a minha carreira”. Por falar na profissão a atriz afirmou que, embora no momento não pense em voltar às novelas, não descarta isso no futuro.

“Agora não é uma coisa que está em mente, não está nos meus planos. Eu não faço planos a longo prazo, vou vivendo o agora e vou me planejando de acordo com as opções que tenho na mesa. Não acho que a decisão de não fazer novelas agora é uma coisa definitiva, porque entendo o valor cultural que a novela tem para nosso país”, ponderou a atriz.

Claro que as perguntas sobre a vida pessoal de Bruna não poderiam ficar de fora. A atriz contou que nutre o desejo de se casar, mas que jamais pensou em detalhes sobre o assunto. “Eu tenho, sem dúvida, o sonho de formar uma família. E de me casar. Nunca fui de idealizar uma cerimônia ou casamento dos sonhos, mas quando penso no que seria o meu casamento, eu visualizo praia, porque gosto muito de estar em contato com a natureza, mas principalmente em contato com o mar”, contou a artista.

Em seguida, foi questionada sobre loucuras de amor e revelou algo que acredita que não faria novamente. “Sou muito intensa. Uma loucura que acho que não faria mais é ficar 24 horas em outro país para passar esse tempo com a pessoa. Ficava mais tempo no avião do que com a pessoa. Eu certamente… certamente, não. Não vou dizer isso porque é minha cara dizer isso e semana que vem me apaixonar e fazer. Mas acho que era demais, sabe?”

Bruna contou ainda que, se não fosse atriz, “amaria ser fotógrafa, fazer viagens humanitárias e reportar isso de alguma forma”.