22 de novembro de 2019

De férias no Pará, ministro da Educação se envolve em discussão com manifestantes

Abraham Weintraub chegou a chamar um dos manifestantes de "safado"


Por Estadão Conteúdo Publicado 24/07/2019
Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Mesmo de férias, apesar de estar no cargo há apenas três meses e meio, o ministro da Educação, Abraham Weintraub, se envolveu em mais uma polêmica na segunda-feira, 22, à noite. Ele estava em Alter do Chão, no Pará, com a família, quando bateu boca com manifestantes que faziam um protesto contra sua presença no local.

Weintraub chegou a chamar um dos manifestantes de “safado”. Em nota, o Ministério da Educação repudiou o que chamou de “atos de violência” contra a pessoa do ministro e seus familiares.

O descanso de Weintraub, de 20 a 27 de junho, acontece após o anúncio do programa Future-se, no momento em que o MEC tem sido procurado para esclarecer dúvidas sobre a proposta. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.