17 de novembro de 2019

Mulher morde o pai após discussão por contas da casa, no Jardim Caieira, em Limeira

Segundo o homem, filha não estaria ajudando com as despesas do lar; além disso, ela também estaria discutindo com frequência com o irmão


Por Danilo Janine Publicado 15/07/2019
Danilo Janine

Um homem, de 39 anos, procurou o Plantão Policial de Limeira, na tarde de domingo (14), para registrar queixa contra a própria filha, de 20 anos, por tê-lo mordido após uma discussão familiar. Conforme consta no Boletim de Ocorrência, o motivo do desentendimento seria o fato de a filha não estar ajudando com as despesas do lar.

Ainda segundo informa no pai no registro policial, quando completou 18 anos, a garota teria dito a ele que “conseguiu sua liberdade e, por isso, sairia de casa”. Passado um tempo, ela voltou e, novamente, conforme relata o pai, apesar de trabalhar, não estaria ajudando nas despesas do lar. Ele conta que além disso, ela também estaria discutindo com frequência com o irmão, de 18 anos.

O pai conta que na casa todos trabalham e todos ajudam nas despesas, menos a filha. Na delegacia, ele mostrou a marca da mordida na mãe e foi orientado a passar pelo médico para conseguir um laudo sobre a agressão.