14 de agosto de 2020

Mãe de jovem agredido por MC diz que seu filho levou coronhada

A mãe de André Lucas Oliveira Ramos, que acusa o tio, Fabiano Baptista Ramos, o MC Tikão, de agressão, disse que o filho levou uma coronhada do funkeiro.


Por Redação Educadora Publicado 27/05/2019
Tikão responde a processo por lesão corporal decorrente de violência doméstica. Foto: Reprodução

A mãe de André Lucas Oliveira Ramos, que acusa o tio, Fabiano Baptista Ramos, o MC Tikão, de agressão, disse que o filho levou uma coronhada do funkeiro. Simone da Glória Oliveira relatou ao EXTRA que o músico tinha uma arma em punho quando agrediu o rapaz. Ela afirma, ainda, que André Lucas foi ameaçado pelo tio, que o acusou de roubo.

Como EXTRA revelou na última semana, em janeiro deste ano o MC virou réu em processo na 2ª Vara Criminal de Madureira, no qual responde por lesão corporal decorrente de violência doméstica. A agressão foi em 29 de dezembro de 2016, em Oswaldo Cruz. Em entrevista ao EXTRA, Tikão afirmou que deu uma “coça” no sobrinho após o jovem ter perdido o seu cordão de ouro.

Simone relata que no dia em que o cordão sumiu, o filho saiu para um show do tio, em sua companhia. Lá, colocou o cordão do funkeiro, mas diz ter devolvido o acessório. O rapaz afirma não lembrar o que aconteceu dali em diante, pois estava alcoolizado. Simone relata que o filho foi acusado pelo tio de ter roubado a peça.

— Dois dias depois, ele (Tikão) já chegou com a arma em punho, dando coronhada no meu filho. Entrou no apartamento da mãe dele com uma arma dizendo que ia matá-lo. A avó do meu filho conseguiu segurar a mão do Tikão e falou para o meu filho para correr. Mas ele conseguiu dar uma coronhada na cabeça do meu filho, depois desceu atrás dele procurando pelo estacionamento do condomínio — conta.

André Lucas chegou na casa da mãe ensanguentado. Ela o levou para a UPA de Rocha Miranda, onde ele levou três pontos na cabeça. Depois, fizeram queixa na 30ª DP (Marechal Hermes)

*Leia mais em: Extra