13 de novembro de 2019

Limeirense apontado como chefe do tráfico em Assunção é preso pela polícia paraguaia

Ele é irmão de um integrante do PCC, que também está preso


Por Estadão Conteúdo Publicado 14/10/2019
Limeirense é preso pela polícia paraguaia em Assunção. Foto: @senad_paraguay

A secretaria Nacional Antidrogas do Paraguai prendeu nesta segunda-feira (14), o limeirense Levy Adriani Felicio, de 53 anos, acusado de ser um fornecedor de drogas da facção criminosa PCC (Primeiro Comando da Capital), em Assunção, capital do Paraguai. A prisão ocorreu durante uma operação na madrugada, no bairro Villa de Morra. As informações são do jornal Última Hora de Assunção.

Outra prisão foi feita, de forma simultânea, em Pedro Juan Caballero, onde foi detido Marcio Gayoso, de 27 anos. Ele é suspeito de ser o suposto principal braço logístico de Felício. Na casa onde ele foi encontrado, a polícia paraguaia também achou armas, munições e uma camionete de alto padrão.

Felício, de acordo com informações apuradas pela Educadora, seria irmão de outro membro da facção, conhecido como “Tiquinho”, que foi preso há alguns anos. Após a prisão do irmão, Felício teria assumido a distribuição de maconha para área de cobertura do DDD 19.