17 de junho de 2019

Criminosos assaltam e espancam idosa que rezava em casa

Segundo a filha da vítima, mulher estava rezando de joelhos, apoiada na cama, quando foi abordada pelos criminosos


Por Thayla Ramos Publicado 09/04/2019

A ex-primeira dama de Itaberaí (GO), Eleni Soares, de 71 anos, foi espancada durante um assalto em sua casa. Segundo a filha da vítima, Rita de Cássia Soares Mendonça, os criminosos pularam o muro e entraram na residência.

“Ela tinha aberto a porta da varanda para ver como estava o tempo, voltou para o quarto e deixou a porta aberta. Ela estava rezando, de joelhos, apoiada na cama, quando eles a abordaram”, contou a filha.

A vítima foi primeira-dama entre 1982 e 1988 e, novamente, entre 1993 e 1997. A filha confirmou que a mãe está muito assustada, mais ainda porque há nove anos ela foi vítima de outro assalto que resultou na morte do marido, Carlos Dias Mendonça. Ele infartou e morreu duas horas depois do roubo.

Agressão
Um vizinho ouviu os gritos da idosa e foi a casa para ajudar. A senhora ficou internada em observação no Hospital Municipal de Itaberaí, mas recebeu alta no mesmo dia.

“Ela teve corte na cabeça, sofreu muitas agressões, coronhadas, ela machucou muito o rosto dela. Ela não está nem conseguindo abrir o olho esquerdo”, descreveu a filha da vítima.

Os criminosos abandonaram o carro de Eleni a 5 km de Itaberaí, na GO-070. Já os documentos foram achados em Itauçu. Outros objetos ainda continuam perdidos.

As informações são do portal Metrópoles.