20 de novembro de 2019

Auxiliar administrativo é preso por não cumprir medida protetiva de não se aproximar da mãe, em Limeira

Mulher acionou o botão do pânico e Guarda Civil Municipal foi até a casa da idosa, onde localizou e prendeu o rapaz


Por Danilo Janine Publicado 11/06/2019
Danilo Janine

Um auxiliar administrativo, de 33 anos, foi preso na madrugada desta terça-feira (11) pela Guarda Civil Municipal, após não cumprir uma ordem judicial de não se aproximar da mãe, de 62 anos, na Vila Santa Catarina, em Limeira.
Conforme consta no Boletim de Ocorrência, eram 3h40, quando a idosa acionou o botão do pânico e uma viatura da Guarda foi checar o que estava acontecendo. Na casa dela, os gcms apuraram que ela não teria autorizado a entrada do filho e que um botijão de gás tinha sumido. Questionado, o rapaz negou que tivesse furtado o botijão de gás. Ele foi levado ao Plantão Policial, onde foi preso.
Conforme apurou a Educadora, no mês passado, o auxiliar de administrativo já tinha sido detido também por não cumprir a medida protetiva favorável a mãe. Na ocasião, ele ficou 14 dias preso.