25 de agosto de 2019

Oito pessoas morrem em dois acidentes em rodovias do interior de São Paulo

Em um dos veículos, que seguia no sentido de Presidente Prudente, uma mulher de 36 anos e o filho dela, de 4 anos, morreram


Por Estadão Conteúdo Publicado 22/07/2019
Foto: Reprodução

Oito pessoas morreram, neste domingo, 21, em dois acidentes que, segundo a Polícia Rodoviária Estadual, poderiam ter sido evitados se os motoristas tivessem sido mais prudentes no trânsito.

No início da noite, na rodovia Júlio Budisk (SP-501), em Alfredo Marcondes, o motorista de um automóvel tentou uma ultrapassagem em local não permitido e bateu de frente em outro carro que vinha em sentido contrário.

Em um dos veículos, que seguia no sentido de Presidente Prudente, uma mulher de 36 anos e o filho dela, de 4 anos, morreram. A mulher ainda chegou a ser socorrida, mas não resistiu. No outro carro, um homem de 56 anos e sua mulher, de 52, morreram no local do acidente. O condutor do primeiro veículo, um rapaz de 21 anos, e a namorada dele de 16 foram levados com ferimentos para o Hospital Regional de Presidente Prudente, mas passam bem.

Ainda na manhã do domingo, depois de abastecer o veículo em um posto de combustível, em Tarumã, o motorista de um carro entrou na rodovia Miguel Jubran (SP-333) pela contramão e foi atingido em cheio por outro automóvel. Quatro pessoas morreram – dois homens, de 59 e 82 anos, respectivamente, e uma mulher de 52 anos, que estavam no carro que invadiu a pista, e uma passageira de 36 anos do outro veículo.

Outras duas pessoas ficaram feridas e foram levadas em estado grave para o Hospital Regional de Assis. Conforme a Polícia Rodoviária Estadual, há indícios de que, nos dois casos, a imprudência ou imperícia de motoristas pode ter contribuído para os acidentes. As causas, no entanto, serão apuradas pela Polícia Civil. Nos dois casos, a Polícia Técnica realizou perícia nos locais e nos automóveis envolvidos.