18 de setembro de 2019

Gangue usa pitbull para decepar pênis de homem suspeito de estupro

O caso, segundo jornal inglês, aconteceu há cerca de um mês na Cidade do México


Por Redação Educadora Publicado 11/09/2019
Reprodução
Um caso de tortura repercute nas redes sociais. Uma gangue mexicana usou um pitbull para mutilar um homem suspeito de estupro. Em um vídeo, ao qual o jornal Daily Mirror teve acesso, o homem aparece no chão enquanto o animal ataca sua região genital com mordidas. O caso, segundo o jornal inglês, aconteceu há cerca de um mês na Cidade do México, capital do país. O caso foi divulgado pelo Correio Brasiliense.
Ainda de acordo com a publicação, o homem de aproximadamente 30 anos foi atacado por ser suspeito de abusar sexualmente de uma mulher. A filmagem teria sido divulgada pelo grupo para servir de aviso a outros homens.
Não há informações sobre o estado de saúde do homem.