24 de junho de 2019

Vereador de Limeira denuncia danos em colchões do Esporte; secretário nega

Denúncia foi feita pelo vereador Marcelo Rossi (PSD)


Por Nani Camargo Publicado 10/04/2019
Divulgação/Gabinete Marcelo Rossi

O vereador de Limeira Marcelo Rossi (PSD) protocolou nesta quarta-feira requerimento na Câmara Municipal para apurar as circunstâncias do incidente que tornou inviável o uso de 100 colchões novos adquiridos no ano passado pela Prefeitura de Limeira. O material seria usado em competições como Jogos Regionais, entre outras, e estava guardado na laje do Ginásio de Esportes Fortunato Lucato Neto (Vô Lucato).

No local, houve recente vazamento de água, mas, o problema é mais grave. “Além da água, há muitas fezes de pombos, o que significa um risco para a saúde dos praticantes de esportes, entre eles crianças, além de todos os que frequentam o ginásio. O cheiro fortíssimo nos colchões e os demais vestígios encontrados confirmam o problema neste importante espaço público”, declara o vereador.

Além de questionar a Prefeitura para saber mais detalhes do episódio, Marcelo protocolou uma indicação para a implantação de medidas efetivas de controle da proliferação de pombos.

A Educadora entrou em contato com o secretário de Esportes Luiz Augusto Zanon, que confirmou o vazamento, mas negou que os colchões foram inutilizados. “Realmente, houve um problema na boia da caixa d´agua do ginásio e um vazamento foi registrado. Alguns colchões molharam. Colocamos todos para secar e ainda vamos passar um produto para tirar cheiro. Mas não haverá prejuízo dos colchões. Após a secagem, poderão ser utilizados”, disse Zanon. Sobre os pombos, Zanon disse que a limpeza do ginásio é feita regulamente justamente por causa desses animais.