21 de novembro de 2019

Vaticano confirma renúncia de dom Vilson Dias de Oliveira

Anúncio foi feito no Boletim Diário do Vaticano na manhã desta sexta-feira (17); Educadora já havia adiantado informação


Por Danilo Janine Publicado 17/05/2019
Divulgação/Diocese de Limeira

Dom Vilson Dias de Oliveira não é mais bispo de Limeira. O anúncio oficial da saída de dom Vilson da Diocese foi feito na manhã desta sexta-feira (17) pelo Vaticano. Uma coletiva de imprensa com dom Vilson ocorre ainda na manhã desta sexta, para falar sobre o tema, na Catedral Nossa Senhora das Dores. Conforme havia adiantado a Educadora na quarta-feira (15), o bispo tinha enviado seu pedido de renúncia ao papa Francisco e aguardava a resposta do pontífice.
Com a renúncia de dom Vilson, o papa Francisco nomeou o arcebispo metropolitano de Aparecida (SP) dom Orlando Brandes, como administrador apostólico para a Diocese de Limeira até que seja escolhido um novo bispo para a cidade. Além de Limeira, a Diocese é responsável por outras 15 cidades na região.
A queda de dom Vilson começou quando estouraram denúncias envolvendo supostos abusos sexuais que teriam sido cometidos contra menores pelo padre Leandro Ricardo, pároco da Basílica Santo Antônio de Pádua, em Americana (que faz parte da Diocese de Limeira). Elas também atingiram dom Vilson, que foi acusado de acobertar os abusos. Além disso, o bispo também foi acusado de envolvimento em problemas administrativos no comando da Diocese de Limeira.
O caso estourou após uma denúncia ser levada a Alesp (Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo) e chegou ao Ministério Público e a Polícia Civil, que passaram a investigá-lo. A Diocese de Limeira chegou a suspender o padre Leandro Ricardo de suas funções após o início das investigações.

Reprodução

DOM VILSON

Quinto bispo da Diocese de Limeira, dom Vilson Dias de Oliveira nasceu na cidade de Guaíra (SP), onde ingressou no seminário menor em 1970. Ele fez parte dos estudos filosóficos na cidade de Ponta Grossa (PR) nos anos de 1978 e 1979, na Escola “Mater Ecclesiae”, do Seminário Diocesano de Ponta Grossa (PR), concluindo os mesmos na FAI (Faculdades Associadas do Ipiranga), em São Paulo. Fez teologia no Instituto Teológico de São Paulo e mestrado na área de Teologia Pastoral na Pontifícia Faculdade de Teologia Nossa Senhora da Assunção. Dom Vilson foi nomeado bispo de Limeira pelo papa Bento 16 no dia 25 de maio de 2007.

ADMINISTRADOR APOSTÓLICO

Atual arcebispo metropolitano de Aparecida (SP), dom Orlando Brandes estudou filosofia em Curitiba (PR). Fez seus estudos teológicos na Pontifícia Universidade Gregoriana, em Roma, na Itália. Fez estudos de pós-graduação em teologia moral, também na capital italiana.

Divulgação/CNBB

Dom Orlando foi ordenado padre no dia 6 de julho de 1974, em Francisco Beltrão (PR). Já no dia 9 de março de 1994, o papa João Paulo II o nomeou bispo de Joinville (SC).
Em 2006, no dia 10 de maio, o papa Bento 16 o nomeou arcebispo de Londrina (PR), onde tomou posse no dia 23 de julho do mesmo ano. Por fim, no dia 16 de novembro de 2016, foi nomeado pelo Papa Francisco, arcebispo de Aparecida (SP), onde tomou posse em 21 de janeiro de 2017 no Santuário Nacional.