12 de novembro de 2019

Prefeitura de Limeira implanta novo sistema de Nota Fiscal Eletrônica; usuários vão passar por treinamento

Decreto do prefeito Mario Botion sobre a regulamentação da Nota Fiscal de Serviço Eletrônica (NFS) será publicado na próxima semana, no Jornal Oficial do Município.


Por Nani Camargo Publicado 18/06/2019
Reprodução

A Prefeitura de Limeira implantará, a partir de 1º de julho, o novo sistema de emissão de Nota Fiscal Eletrônica e Declaração de Serviços. O novo serviço é mais moderno e terá as mesmas funcionalidades do antigo, que continuará disponível no período de transição – de 1º a 31 de julho. Dessa forma, contadores e outros usuários já poderão emitir nota fiscal no novo sistema a partir do dia 1º de julho. A mudança se deve ao novo contrato para gerenciamento do sistema tributário da Prefeitura. A empresa vencedora da licitação foi a iiBrasil Inteligência e Informação Ltda.

Para se adequar ao novo sistema, a empresa oferecerá um treinamento para os usuários que emitem notas fiscais pelo serviço online. As inscrições poderão ser feitas a partir de segunda-feira (24), até sexta-feira (28), pelo link http://bit.ly/capacitanf. As vagas são limitadas. Serão quatro dias de treinamento, com carga horária de três horas, em dois períodos: das 9h às 12h e das 14h às 17h. O primeiro dia será especificamente para contadores, enquanto os outros dias, para os demais usuários do sistema. Dúvidas podem ser sanadas por meio do e-mail [email protected].

Ao todo, 11.370 usuários estão aptos a utilizar o sistema. Decreto do prefeito Mario Botion sobre a regulamentação da Nota Fiscal de Serviço Eletrônica (NFS) será publicado na próxima semana, no Jornal Oficial do Município. Além da emissão de nota fiscal eletrônica, o sistema permite o gerenciamento de ISSQN, geração de guias de recolhimento e declarações de serviços. A partir de 1º de agosto, estes serviços deverão ser gerenciados exclusivamente através do novo sistema, acessado por meio do link https://limeira.iibr.com.br – que ainda não está disponível para emissão de notas.

Na página do novo serviço, já estão disponíveis os manuais de utilização e de acesso ao sistema. A partir de 1º de julho, os usuários ativos no antigo sistema deverão utilizar o CPF/CNPJ para login e clicar na opção “Recuperar Senha”, para gerar uma nova senha e poder utilizar o sistema. Para esses casos, não haverá necessidade de comparecimento à prefeitura.