05 de julho de 2020

Limeira tem 421 casos confirmados de dengue e outros 1,1 mil suspeitos

Enfrentamento à dengue ocorre paralelamente ao coronavírus; ambas doenças têm mortes suspeitas na cidade


Por Renata Reis Publicado 30/03/2020
Foto: Divulgação/Prefeitura de Limeira

Dados oficiais atualizados de dengue em Limeira mostram 421 confirmações. Outras 1.141 pessoas aguardam resultados de exames para confirmar ou não a doença. Há, ainda, uma morte suspeita registrada.

O óbito foi notificado na semana passada. Um exame preliminar já indicava dengue. Agora, o Município aguarda laudo do Instituto Adolfo Lutz.

O enfrentamento à dengue ocorre paralelamente ao coronavírus, que tem 55 notificações, 45 suspeitas e 10 casos já descartados. Uma morte suspeita de Covid-19 é investigada.

Contra o coronavírus, há a quarentena determinada, fiscalização e uma unidade de referência para internações sendo montada na Humanitária. Contra a dengue, o último mutirão foi realizado no sábado (28).

Nota da Prefeitura diz que foram visitados os bairros Vila Queiroz e Egisto Ragazzo. Os 96 agentes que participaram da ação visitaram 2.537 imóveis e encontraram 256 recipientes propícios para formação de criadouros do mosquito. Desse total, 46 continham água e cinco apresentavam larvas.

Segundo a chefe da Divisão, Pedrina Aparecida Rodrigues Costa, as larvas estavam em lonas plásticas, plantas aquáticas, piscinas e vasos de planta, entre outros.