02 de abril de 2020

Homem acusado de estuprar enteada de 11 anos em Limeira é encontrado enforcado

Mãe de garota procurou a polícia e denunciou o caso à DDM no fim de semana


Por Carlos Gomide Publicado 12/02/2020
Menina Estupro

Um homem de 42 anos, suspeito de estuprar a enteada de 11 anos, em Limeira, foi encontrado enforcado. Ele estava pendurado com uma blusa, em uma árvore na cidade de Rio Claro.

A suspeita da polícia de Rio Claro é de suicídio. A DDM (Delegacia de Defesa da Mulher) já havia instaurado inquérito policial para apurar a denúncia feita pela enteada dele no Plantão Policial. Segundo a garota, ele mantinha relações sexuais com menina desde setembro do ano passado. A mãe denunciou o marido e se mudou para Piracicaba. Com a morte do suspeito, o caso é considerado extinto.

O CASO

Uma manicure de 29 anos procurou a delegacia de polícia no domingo (10), para relatar que a filha dela, de 11 anos, lhe disse que o padrasto teria a violentado sexualmente na madrugada. Entre outros relatos, a mulher contou que o homem teria acariciado e tomado banho junto com a menina, e que as violências estariam ocorrendo desde setembro do ano passado.

Após dar a versão sobre os fatos, a mulher disse que deixaria a casa onde mora com o marido e que, junto com a menina e outro filho de 2 anos iria se mudar para Piracicaba, onde morará com familiares.

O caso foi registrado como estupro de vulnerável.