22 de maio de 2019

Dia D de combate à dengue mobiliza sindicatos de Limeira

Ações tiveram a participação de entidades ligadas à área patronal e também dos trabalhadores


Por Estadão Conteúdo Publicado 18/04/2019
Adilson Silveira/Prefeitura de Limeira

Sindicatos de trabalhadores, sindicatos patronais e empresas, em parceria com a Prefeitura de Limeira, promoveram nesta quarta-feira (17) o “Dia D” de combate ao Aedes aegypti – transmissor da dengue, zika e chikungunya. Ao longo do dia, houve ações educativas e distribuição de folhetos sobre prevenção à dengue em diversas empresas do município. Limeira contabiliza 142 casos da doença.

A colaboração dos sindicatos na realização do “Dia D” foi destacada pelo diretor de Vigilância em Saúde da prefeitura, Alexandre Ferrari, que também integra o Gabinete de Prevenção e Emergência no Combate ao Aedes aegypti. “Os sindicatos patronais e dos empregados aderiram rapidamente a essa iniciativa. Todos os anos essas instituições nos ajudam na prevenção à dengue e dão exemplo de cidadania”, frisou.

O Sindicato dos Trabalhadores da Alimentação de Limeira, que integra a União Sindical dos Trabalhadores de Limeira (USTL), organizou atividades de conscientização voltadas a funcionários da Ajinomoto, Mark Bem, Lima Fortes, entre outras. As ações ocorreram durante a mudança de turno nessas empresas, quando representantes do sindicato conversaram com trabalhadores sobre o tema.

O diretor do sindicato, José Moreira, afirmou que ações similares também devem ocorrer amanhã em outras indústrias do setor. “A dengue é uma doença perigosa, que pode trazer graves riscos à saúde e levar à morte. Entendemos a importância de divulgar a necessidade de prevenção. Estamos fazendo a nossa parte e combatendo esse mal”, disse.

Empresas limeirenses ligadas ao Centro das Indústrias do Estado de São Paulo (Ciesp) e à Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) também organizaram ações para orientar os funcionários quanto aos riscos da dengue. As atividades também incluíram a vistoria dos ambientes internos para eliminação de possíveis criadouros do mosquito. O diretor titular do Ciesp/Fiesp de Limeira, Jairo Ribeiro Filho, comentou a relevância da mobilização. “O Dia D foi uma ação importante, que uniu empresas e trabalhadores em torno da prevenção à dengue. O Ciesp/Fiesp se engajou prontamente nessa ação da Prefeitura, que é de suma importância para o município”, frisou.

Paralelamente, a Divisão de Controle de Zoonoses deu prosseguimento às atividades de controle do vetor, como a visita de imóveis para eliminação de criadouros (casa a casa), bloqueio nas áreas em que há casos suspeitos e confirmados da doença e vistoria de “Pontos Estratégicos” e de “Imóveis Especiais”. A chefe da Divisão, Pedrina Aparecida Rodrigues Costa, ressaltou que a população deve colaborar, vistoriando o imóvel uma vez por semana para eliminar eventuais criadouros.