14 de agosto de 2020

2 de agosto na História

Hoje é dia de Santo Eusébio Vercelli; em 1939, os cientistas Albert Einstein e Leó Szilard escrevem uma carta ao presidente dos EUA aconselhando-o a iniciar o Projeto Manhattan; em 1989, o Paquistão é readmitido na Comunidade das Nações após restaurar a democracia; em 1990, o Iraque invade o Kwait, evento que culminaria na Guerra do Golfo


Por Redação Educadora Publicado 02/08/2020
A Guerra do Golfo durou 43 dias

Em 1939, Albert Einstein e Leó Szilárd escrevem uma carta para o presidente Franklin Delano Roosevelt aconselhando-o a iniciar o projeto Manhattan;

Em 1989, o Paquistão é readmitido na Comunidade das Nações depois de restaurar a democracia;

Em 1990, o Iraque invade o Kwait, o que levou à Guerra do Golfo;

Santo Eusébio de Vercelli

Hoje nós lembramos o testemunho de santidade de Eusébio, que nasceu no começo do século IV, na Sardenha e não tinha este nome, até ir para Roma em procura de lucro com a Política e o Direito.

Encontrado por Jesus, converteu-se e recebeu as águas do Batismo e o novo nome de Eusébio, pois foi batizado pelo Papa Eusébio. De simples leitor da Igreja de Roma, Eusébio foi ordenado sacerdote e depois em 345, Bispo em Vercelli, onde exerceu seu ministério com zelo e muito amor dedicando às almas e à verdade. Dentre tantas inspirações para a Diocese, Eusébio vivia comunitariamente com seus sacerdotes, e desta comunhão conseguiu forças para vencer os bons combates do dia a dia.

Santo Eusébio de Vercelli por opor-se ao Arianismo que buscava erroneamente negar a divindade de Cristo, foi exilado com outros santos Bispos pelo imperador Constâncio. Despachado com algemas para a Palestina, Eusébio sofreu torturas e sobreviveu por seis anos fechado numa prisão. Quando liberto aproveitou para visitar as Igrejas do Oriente.

Ao voltar foi acolhido como vencedor pelos irmãos no Episcopado, Clero e todo o povo, e até entrar no Céu em 370, venceu o Arianismo com Santo Hilário e unificou as Igrejas.

Fonte: Canção Nova

  • 338 a.C. — Um Exército macedônio liderado por Filipe II derrota as forças combinadas de Atenas e Tebas na Batalha de Queroneia, garantindo a hegemonia macedônica na Grécia e no Egeu.
  • 216 a.C. — O exército cartaginês liderado por Aníbal derrota um exército romano numericamente superior na Batalha de Canas.
  • 461 — Majoriano é preso perto de Tortona (norte da Itália) e deposto pelo general suevo Ricímero.
  • 1274 — Eduardo I da Inglaterra retorna da Nona Cruzada e é coroado rei dezessete dias depois.
  • 1665 — A Inglaterra ataca navios mercantes holandeses na Batalha de Vågen.
  • 1675 — Inauguração da Sinagoga Portuguesa de Amsterdão.
  • 1776 — Acontece a assinatura da Declaração da Independência dos Estados Unidos.
  • 1897 — O Cerco de Malakand termina quando uma coluna de socorro é capaz de alcançar a guarnição britânica nos estados de Malakand.
  • 1903 — Começa a Revolta de Ilinden-Preobrazhenie contra o Império Otomano.
  • 1914 — Início da ocupação alemã do Luxemburgo durante a Primeira Guerra Mundial.
  • 1932 — O pósitron (antipartícula do elétron) é descoberto por Carl David Anderson.
  • 1939 — Albert Einstein e Leó Szilárd escrevem uma carta a Franklin Delano Roosevelt, aconselhando-o a iniciar o Projeto Manhattan para desenvolver uma arma nuclear.
  • 1945 — Termina a Conferência de Potsdam, na qual as potências aliadas decidem o que fazer com a Alemanha após o fim da Segunda Guerra Mundial.
  • 1980 — Uma bomba explode na estação ferroviária de Bolonha, Itália, matando 85 pessoas e ferindo mais de 200.
  • 1989 — O Paquistão é readmitido na Comunidade das Nações depois de ter restaurado a democracia pela primeira vez desde 1972.
  • 1990 — O Iraque invade o Kuwait, posteriormente levando à Guerra do Golfo.
  • 2005 — O voo Air France 358 pousa no Aeroporto Internacional Pearson de Toronto, derrapa e sai da pista, deixando 12 feridos e nenhuma morte registrada.