24 de outubro de 2019

CPI do Transporte vai ouvir donos da Viação Limeirense e da JTP

Na próxima reunião da CPI, dia 26 de setembro, às 13 horas, será ouvido o secretário de Mobilidade Urbana, Rodrigo Oliveira


Por Estadão Conteúdo Publicado 19/09/2019
Crédito: Câmara Municipal

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) do Transporte Público, requerida pelo vereador Dr. Marcelo Rossi (PSD), convocou cinco oitivas durante a reunião desta quinta-feira, 19 de setembro. Serão ouvidos os secretários municipais de Mobilidade Urbana, de Negócios Jurídicos e de Administração, bem como os proprietário das empresas JTP e Viação Limeirense. Os vereadores também apresentaram requerimentos que serão encaminhados para a Prefeitura.

Na próxima reunião da CPI, dia 26 de setembro, às 13 horas, será ouvido o secretário de Mobilidade Urbana, Rodrigo Oliveira. Já o secretário de Negócios Jurídicos, Daniel de Campos, foi convocado para prestar depoimento no dia 3 de outubro, também às 13 horas.

Paulo Henrique Vagner, proprietário da empresa JTP, será ouvido no dia 10 de outubro, às 13 horas, e Gustavo Costa, proprietário da viação Limeirense, prestará depoimento no dia 11 de outubro, às 13 horas.

O secretário de Administração, Luiz Alberto Battistella, havia sido convocado para participar da CPI nesta quinta-feira, porém mandou ofício aos vereadores informando que, por motivos de férias, não poderia comparecer à reunião e pediu que a oitiva fosse reagendada. A nova data do depoimento foi marcada para o dia 17 de outubro, às 13 horas.

Além das oitivas, os vereadores deliberaram pelo envio de requerimentos à Prefeitura. A vereadora Constância Félix (PDT) solicitou cópia do processo judicial completo que a empresa JTP move contra a Prefeitura de Limeira em virtude da rescisão unilateral do contrato emergencial. A parlamentar também solicitou cópia do processo trabalhista ou da decisão judicial da Justiça do Trabalho de Americana, que determinou bloqueio e penhora no valor de R$ 5 milhões dos subsídios da Viação Limeirense.

Fazem parte da CPI os vereadores Dr. Rafael Camargo (MDB), presidente; Zé da Mix (PSD), relator; Helder do Táxi (MDB), secretário; Constância Félix (PDT) e Dr. Marcelo Rossi (PSD), membros. Acompanharam a reunião a vereadora Erika Tank (PL) e o representante da Prefeitura, o advogado Paulo Roberto Barcellos da Silva Junior.