23 de julho de 2019

Inscrições para o Enem 2019 começam nesta segunda (6)

Candidatos que não têm isenção devem pagar a taxa até o dia 23 de maio, em agências bancárias, casas lotéricas e correios


Por Estadão Conteúdo Publicado 06/05/2019
Divulgação

As inscrições para o Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) 2019 começam nesta segunda-feira (6) às 10h. O prazo para realizar o cadastro no site oficial da prova vai até 17 de maio. A taxa de inscrição é de R$ 85 e mesmo quem obteve a isenção do pagamento precisa se inscrever.

Os candidatos que não têm isenção devem pagar a taxa até o dia 23 de maio, em agências bancárias, casas lotéricas e correios.

No site, para fazer a inscrição, o estudante deve informar o número do CPF e do RG, além de um celular e um e-mail válidos para que o Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira), órgão vinculado ao Ministério da Educação que organiza a prova, envie comunicados. Este ano, o novo sistema de inscrição possibilita também a inclusão de uma foto.

Até o último dia do prazo, será possível atualizar os dados. Além disso, candidatos surdos, deficientes auditivos e surdocegos poderão indicar, durante a inscrição, o uso de aparelho auditivo ou de implante coclear – outra novidade do exame este ano.

Entre 20 e 24 de maio, será possível fazer também a solicitação de atendimento pelo nome social, evitando assim que o candidato seja chamado pelo nome do registro civil.

O cartão de confirmação será disponibilizado apenas em outubro. Nele, haverá um resumo das principais informações para o candidato, como número de inscrição, data, hora e local das provas. O exame será realizado nos dias 3 e 10 de novembro -dois domingos seguidos. O gabarito é divulgado no dia 13 de novembro e o resultado individual, em janeiro de 2020.

O Enem é composto por quatro provas com 45 questões objetivas cada e uma redação de, no máximo, 30 linhas.
No dia da aplicação da prova, outras duas novidades em relação a anos anteriores: haverá um espaço para rascunho da redação e cálculos no caderno de questões e também uma revista de todos os lanches levados pelos estudantes.

O Enem é uma das principais formas de ingresso no ensino superior no país. A nota obtida nas provas pode ser utilizada no Sisu (Sistema de Seleção Unificada), que oferece vagas em instituições públicas de ensino superior, e no FIES (Fundo de Financiamento Estudantil), que financia cursos em universidades particulares.