23 de julho de 2019

Bebê nasce com céu da boca para fora e emociona internautas

Oliver Alves nasceu com uma malformação no lábio e céu da boca e família realiza rifa na web para pagar tratamento


Por Redação Educadora Publicado 25/04/2019

Familiares de um bebê de apenas um mês de vida, morador de Registro, no interior de São Paulo, estão mobilizando a web com a rifa de um tablet. A venda do aparelho ajudará no tratamento de Oliver Alves, que nasceu com uma malformação no lábio e céu da boca e, agora, terá acompanhamento médico em Santos, a 180 km de distância.

O problema de Oliver é conhecido como fenda labiopalatina, ou lábio leporino, e consiste na malformação do palato (céu da boca) e do lábio superior, que nascem abertos. Silene Oliveira, mãe do menino, descobriu o problema na trigésima semana de gestação e contou ao portal G1 que, de cara, tomou um susto.

“Naquele momento, eu só conseguia pensar como ele ia respirar, se ele ia poder mamar, como seria sua vida quando crescesse, a reação das pessoas quando eu saísse com ele na rua, se elas teriam preconceito”, contou. Tudo foi descoberto em uma ultrassonografia, que foi repetida para que se tivesse a certeza do diagnóstico.

Desde o nascimento, Silene e o marido buscaram entender o problema e formas de tratamento. “Primeiro, tentamos em Curitiba, mas fomos informados que, por morarmos em São Paulo, a referência de tratamento seria Bauru, no interior, e Santos, onde optamos justamente por ser mais próximo”, disse.

O tratamento é feito pelo Sistema Único de Saúde (SUS), e Oliver passará pela primeira consulta em 14 de maio, onde, segundo Silene, será avaliado por um cirurgião pediátrico e psicólogo. Apesar da parte médica ser gratuita, o custo para se manter o tratamento, compra de medicamentos e viagens, devido os 180 quilômetros que dividem as cidades, são altos.

Recebendo a ajuda de várias pessoas, Silene diz que a rifa se esgotará em breve. Emocionada, ela disse esperar que, em breve, tudo seja solucionado. “Nunca imaginei que tanta gente viria ajudar, desejar coisas boas para o Oliver. É muita gratidão. Eu creio e sei que tudo dará certo, e que ele será muito forte e grato às pessoas que estão ajudando”, finaliza. As informações são da TV Tribuna e do portal G1 Santos e Região.