21 de outubro de 2020

Protetores pedem ajuda no tratamento de cavalo sem parte da pata na região de Curitiba (PR)

Os voluntários criaram uma vaquinha online, com o objetivo de arrecadar R$ 10 mil para bancar os custos do tratamento e a colocação de uma prótese


Por Redação Educadora Publicado 01/10/2020 Atualizado em 02/10/2020 às 19:23

Protetores de animais da Região Metropolitana de Curitiba (PR) se uniram para ajudar no tratamento de um cavalo que vive sem parte da pata dianteira direitacerca de quatro anos. Fênix, como é chamado, sofreu um acidente em 2016, na cidade de Adrianópolis, a 167 km de Curitiba, e foi abandonado pelo dono. Desde então, uma associação protetora dos animais e moradores da região cuidam dele.

Os voluntários criaram uma vaquinha online, com o objetivo de arrecadar R$ 10 mil para bancar os custos do tratamento – que será feito por um veterinário de Curitiba – e de uma prótese, segundo informações do portal Banda B. “É de cortar o coração. Nós, que amamos os animais, sofremos muito em vê-lo assim. Agora, conseguimos um lugar pro Fênix ficar em Curitiba. Aqui, ele vai poder fazer um tratamento para a colocação de uma prótese. Só que hoje, não temos o dinheiro para este aparelho e também precisamos de ajuda para pagar o transporte, alimentação e remédios”, explica o protetor Marco Aurélio Felipe, que diz ainda que pessoas sugerem que Fênix seja sacrificado.

“Não vamos aceitar que Fênix seja sacrificado. Sabemos que ele está sofrendo, mas agora temos o local e o veterinário para ajudá-lo a ter uma qualidade de vida melhor”, completa.

Para doar, basta acessar o link https://www.vakinha.com.br/vaquinha/ajude-o-fenix-a-ter-uma-protese.