11 de dezembro de 2019

Feriado deve movimentar mais de 1,7 milhão de veículos nas rodovias estaduais que saem da capital

Saída para o fim de semana prolongado deve ter movimento intenso das 11h às 21h de quinta-feira (14). Na sexta-feira (15), fluxo será grande entre 6h e 18h


Por Redação Educadora Publicado 13/11/2019
As rodovias paulistas sob concessão devem ter tráfego mais intenso a partir das 11 horas de quinta-feira (14), devido ao feriado da Proclamação da República, no dia 15 de novembro. A estimativa é de que 1,7 milhão de veículos deixem a Grande São Paulo com destino ao Interior e Litoral Paulista. O maior movimento na saída para o feriado deve ocorrer nessa quinta-feira das 11h até as 21h. Na sexta-feira (15), o movimento deve começar a se intensificar logo cedo, às 6h e permanecer carregado até as 18h, dependendo da rodovia. As concessionárias irão reforçar as equipes de atendimento aos usuários devido ao aumento da demanda prevista para o feriado.
Para viajar com conforto e segurança, alguns cuidados são importantes e começam antes mesmo de sair de casa. Verificar os freios, amortecedores, luzes, óleo e pneus, inclusive a calibragem, são condições básicas para pegar a estrada. Os níveis da água do radiador e do limpador de para-brisa também devem ser checados. É importante manter a documentação do veículo e do motorista em dia. Além disso, o condutor não deve esquecer os equipamentos obrigatórios como macaco, chave de roda, triângulo para sinalização e estepe. É essencial que o motorista descanse no dia anterior à viagem e consuma alimentos leves para evitar a sonolência. Os viajantes também devem avaliar a melhor rota e, sempre que possível, evitar os horários de pico. É importante, também, ter anotado num papel ou gravado no celular o telefone 0800 de atendimento das concessionárias responsáveis pelas rodovias que for utilizar.
INFRAESTRUTURA REFORÇADA

Em todas as rodovias concedidas haverá reforço no monitoramento, operação e manutenção dos equipamentos, como call box, câmeras de TV, painéis de mensagem, veículos de apoio e equipes técnicas. Também está previsto aumento no número de guinchos, ambulâncias e veículos operacionais em geral, além da implantação da operação “papa-fila” nos pedágios para agilizar a passagem nas cabines de cobrança manual, quando necessário. Os sites das concessionárias terão disponíveis, em tempo real, as condições de tráfego do trecho administrado da rodovia. O trabalho é desenvolvido também em parceria com a Polícia Militar Rodoviária.

ANCHIETA-IMIGRANTES

A Ecovias, concessionária que administra o Sistema Anchieta-Imigrantes (SAI), prevê que entre 250 mil e 380 mil veículos sigam para a o Litoral no fim de semana prolongado. O movimento deve se intensificar a partir das 11h de quinta-feira (14), quando a concessionária implanta a Operação Descida (7×3). A previsão é de que esse esquema operacional seja mantido até 17h59 de sexta-feira (15). No sábado (16), se necessário, a Operação Descida (7×3) será retomada das 8h às 11h59. Durante a operação, os veículos que seguem sentido Litoral podem usar as pistas sul e norte da Rodovia Anchieta (SP-150) e a pista sul da Rodovia dos Imigrantes (SP-160). A subida da serra será pela pista norte da Imigrantes.

Para o retorno, a partir das 18h de sábado será implantada a Operação Subida (2×8), com permanência até 2h de domingo (17). Nessa operação, a subida será feita pelas duas pistas da Imigrantes e pela pista norte da Anchieta. A descida da serra será somente pela pista sul da Anchieta. A inversão de sentido das rodovias do SAI ocorre apenas no trecho de Serra, entre o km 40 e o km 55 da Anchieta e entre o km 40 e 57 da Imigrantes. No domingo, a Operação Subida (2×8) deve ser retomada às 8h e será mantida até 2h de segunda-feira (19).

AYRTON SENNA

Para quem vai viajar para a região do Vale do Paraíba, Litoral Norte e Rio de Janeiro, a Rodovia Ayrton Senna (SP-070) deve ter movimento intenso entre as 15h e 18h de quinta-feira (14) e entre 7h e 13h de sexta-feira (15). Cerca de 215 mil veículos devem deixar a Região Metropolitana de São Paulo pela Ayrton Senna/Carvalho Pinto. Para o retorno do fim de semana prolongado, a previsão é de tráfego intenso entre as 11h e 18h de domingo (17).

TAMOIOS

A previsão é de que tráfego seja mais intenso entre 14h e 20h de quinta-feira (14) e das 6h às 14h de sexta-feira (15) na Rodovia dos Tamoios (SP-099). A Concessionária Tamoios estima que 137 mil veículos passem pela rodovia no fim de semana prolongado do feriado. A concessionária irá implantar Operação Descida nos períodos de maior tráfego. As obras da rodovia serão interrompidas na quinta-feira a partir das 12h e durante todo o dia na sexta-feira e domingo. No sábado, as atividades poderão ocorrer dependendo do fluxo de veículos. Para a volta, a previsão é de intensificação do tráfego entre 12h e 22h de domingo (17) e das 7h às 12h de segunda-feira (18).

ANHANGUERA-BANDEIRANTES

Os motoristas que forem viajar para o Interior pelas rodovias Anhanguera (SP-330) e Bandeirantes (SP-348) devem evitar o período entre 13h e 21h de quinta-feira (14) e 8h e 14h de sexta-feira (15), horários em que a concessionária AutoBAn estima que haverá tráfego mais intenso. No fim de semana prolongado, devem passar pelas rodovias 720 mil veículos. No retorno do feriado o pico de tráfego é previsto para o período entre as 11h e 22h de domingo (17).

Na sexta-feira e no domingo das 14h às 22h, os caminhões com destino à cidade de São Paulo pela Rodovia dos Bandeirantes (SP-348) devem utilizar a Anhanguera (SP-330) no trecho entre o km 48 e o km 23, entre Jundiaí e São Paulo. O acesso a SP-330 deve ser feito pela saída 48 da Bandeirantes. O desvio será implantado para melhorar a distribuição do tráfego e, assim, otimizar a fluidez em ambas as rodovias.

CASTELLO-RAPOSO

Segundo estimativa da concessionária ViaOeste, que administra o Sistema Castello-Raposo, na saída de São Paulo, o motorista deverá enfrentar tráfego intenso na quinta-feira (14) entre 13h e 21h e na sexta-feira (15) no período da manhã. A estimativa da concessionária é de que 556 mil veículos trafeguem nas rodovias Castello Branco (SP-280) e Raposo Tavares (SP-270) no fim de semana prolongado. Na sexta-feira e no domingo (17) o tráfego de caminhões está proibido na SP-280, no sentido Capital, entre as 14h e 1h.

EMERGÊNCIAS

É importante ter em mãos os telefones de atendimento das operadoras das rodovias e da Polícia Militar Rodoviária para eventuais emergências. O serviço de ajuda ao usuário, prestado pelas concessionárias de rodovias, é gratuito e está disponível 24 horas todos os dias nos 8,4 mil quilômetros de rodovias concedidas paulistas. O atendimento auxilia desde uma simples troca de pneu até a remoção de vítimas de acidentes e prestação de primeiros socorros.

VIAGENS DE ÔNIBUS
Quem for viajar com os ônibus do transporte intermunicipal deve ficar atento à segurança e nunca contratar empresas clandestinas. A fiscalização nas rodovias será intensificada para coibir os irregulares. O serviço clandestino expõe os passageiros a vários riscos, uma vez que o veículo não é vistoriado para esse fim e não há garantia de que o motorista seja devidamente habilitado. A Artesp fiscaliza as questões mecânicas e de conforto da frota cadastrada. Os passageiros que encontrarem irregularidades podem entrar em contato com a Ouvidoria da Artesp (fone 0800.727.83.77 ou email [email protected]). Nas viagens rodoviárias, o passageiro deve manter-se sentado e com cinto de segurança. Também é importante não carregar objetos pontiagudos ou cortantes. As bagagens de mão devem ser acomodadas no porta-embrulhos e as maiores, no bagageiro.