18 de agosto de 2019

Em jogo sem TV, Palmeiras vence o Atlético-MG e assume a ponta do Brasileiro

O Palmeiras venceu por 2 a 0, dois gols do volante Bruno Henrique


Por Folhapress Publicado 12/05/2019
O jogador Bruno Henrique, da SE Palmeiras, comemora seu gol contra a equipe do C Atlético Mineiro, durante partida valida pela quarta rodada, do Campeonato Brasileiro, Série A, no Estádio Mineirão.

Na primeira grande partida sem transmissão de TV do Campeonato Brasileiro, Atlético-MG e Palmeiras fizeram um jogo em que só um time viu a bola no Mineirão.

O Palmeiras venceu por 2 a 0, dois gols do volante Bruno Henrique, e assumiu a ponta do Brasileiro com 10 pontos. O Galo agora está em terceiro, atrás do Santos. Esse foi o primeiro jogo de grande porte de 2019 sem a transmissão de nenhuma emissora de televisão. Isso porque o Palmeiras não entrou em acordo com o Grupo Globo, detentor dos direitos de transmissão da maioria dos duelos do Campeonato Brasileiro. A equipe paulista tem acerto com o Grupo Turner.

A primeira vitória do Palmeiras como visitante teve um herói que costuma ser carrasco do Galo: Bruno Henrique. O volante já havia marcado duas vezes na mesma partida contra os mineiros, na edição do ano passado, quando o Alviverde venceu por 3 a 2 em São Paulo. Ele repetiu a dose com dois golaços em Belo Horizonte, ambos de fora de área.
O próximo jogo do Palmeiras pelo Brasileiro é diante do Santos, no Pacaembu, no domingo. Já o Galo tem compromisso diante do Flamengo, no Independência, no próximo sábado. Antes, enfrenta o próprio Santos, mas pela Copa do Brasil.

Mesmo para quem não viu Atlético-MG e Palmeiras, uma evidência parece ter ficado nítida: o abismo entre os dois times ao ouvir as escalações e a formação do banco de reservas.
Os mineiros contam com poucas peças de nome no time titular e um plantel limitado. Enquanto os paulistas são um time de estrelas, com jogadores renomados e um opções de sobra para mudar o jogo.

Dentro do campo o que se notou foi um Palmeiras sólido defensivamente, com seriedade na defesa e saídas rápidas de contra-ataque, principalmente com Dudu. A qualidade de Bruno Henrique fez diferença, embora o time paulista não tenha precisado dar um show para vencer o Atlético-MG. O time de Felipão sofreu apenas oito gols em 2019.

Pelo lado do Galo, a fragilidade do elenco e a atuação abaixo do esperado chamaram atenção. A equipe não conseguiu criar muitas jogadas e aceitou a marcação do Palmeiras.
Falta força ofensiva para a equipe ameaçar mais o adversário. Nenhum jogador conseguiu sobressair na partida desta tarde.

ATLÉTICO-MG 0 X 2 PALMEIRAS

Local: Mineirão, em Belo Horizonte (MG)
Data: 12 de maio de 2019, domingo Hora: às 16h (de Brasília)
Árbitro: Anderson Daronco (RS)
Cartão amarelo: Nathan (Atlético-MG); Raphael Veiga, Diogo Barbosa e Felipe Melo (Palmeiras)
Gols: Bruno Henrique – 43’/1ºT (0-1); Bruno Henrique – 7’/2ºT (0-2)

ATLÉTICO-MG

Victor; Guga, Réver, Igor Rabello e Fábio Santos; Adilson (Nathan), Elias, Luan e Chará; Geuvânio (Vinicius Goes) e Ricardo Oliveira (Alerrandro). T.: Rodrigo Santana

PALMEIRAS

 

Weverton; Marcos Rocha, Gustavo Gómez, Luan e Diogo Barbosa; Felipe Melo, Bruno Henrique, Zé Rafael (Hyoran), Raphael Veiga (Moisés) e Dudu (Felipe Pires); Deyverson. T.: Luiz Felipe Scolari